Credenciamento para emissão de NFCe

Guia passo a passo para o credenciamento e geração de CSC

  • Para iniciar o uso do cupom eletrônico, é necessário solicitar o credenciamento para emissão de documentos eletrônicos para sua sefaz.

    Cada sefaz  possui seus procedimentos e endereços que listamos nesta página.

  • Passos para iniciar a emissão

    1. Solicite o credenciamento para emissão de NFCe nos ambientes de homologação e produção.
    2. Solicite a geração das chaves CSC para os dois ambientes, produção e homologação, estas chaves devem ser configuradas no sistema.
    3. A chave gerada possui um Id, número sequencial de 6 digitos, e o CSC, que é uma chave alfanumérica que vai autenticar seus cupons perante a sefaz. Com estes dados em mão agora deve ser feita a configuração destes valores no sistema.

    Testar a configuração

    Para testar a emissão em homologação siga estes passos:

    1. Faca um teste de conexão com o servidor da SEFAZ (STATUS)
    2. Emita um cupom com 1 item pagando em dinheiro.
    3. Se o cupom for emitido com sucesso, faca o cancelamento deste cupom.
    4. Se o cancelamento do cupom for concluído,

    Se seu sistema executou com sucesso todos os passos, seu emissor de Cupom Eletrônico está funcionado.

    Importante

    Faca testes em Homologação primeiro, para se habituar ao sistema, após estar dominando a operação solicite a mudança para modo Produção, então os cupons serão emitidos com validade fiscal.

  • Links Sefaz NFCe

    Links para geração de CSC, Credenciamento

  • Credenciamento no estado de São Paulo

    Em SP é obrigatório o contribuinte possuir dois emissões de cupom eletrônico, um backup caso o principal falhe, que podem ser 2 SATs ou um SAT e um NFCe.

    Para diminuir os custos com equipamentos, nossa solução trabalha com a NFCe como emissor primário, e o S@T como contingência. Assim, em SP é necessário ativar o SAT primeiro, para posteriormente fazer o credenciamento do emissor NFCe.